correcao-valor-do-credito-consorcio
Publicado em 22/03/2016 as 10:00H
Consórcio de A a Z

Veja como o valor do seu crédito é corrigido no consórcio

Você sabia que no Sistema de Consórcios o valor do crédito é atualizado ao longo do prazo do grupo? Isso acontece para que o consorciado sempre tenha poder de compra ao ser contemplado, mesmo que o valor do bem ou serviço tenha sido alterado. Após a contemplação, o valor deixa de ser atualizado e passa a ter rendimento financeiro até a sua utilização pelo consorciado. No post de hoje, você irá conhecer como funciona essa importante característica do consórcio, que é a correção do crédito.

Critérios para atualização do crédito

O crédito no consórcio é atualizado conforme as regras estabelecidas em contrato. A administradora pode definir como critério um índice de preço ou até o valor sugerido pela montadora ou fabricante.

Quando a regra contratual da administradora for um índice de preço, a atualização do valor do bem ou serviço será realizada anualmente, considerando-se a data de abertura do grupo. No segmento de imóveis, o indicador mais utilizado é o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC). Em serviços, o mais comum é o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM).

A administradora também pode optar por outros critérios, como o preço sugerido pela montadora ou fabricante. Essa regra é muito utilizada no consórcio de veículos. Neste caso, o valor do crédito será corrigido sempre que a montadora sugerir um novo preço.

Uma dica para quem quer estimar a alteração do crédito em análise ou já contratado é pesquisar a variação do índice ou da regra definida pela administradora em contrato nos anos anteriores.

Com a correção no valor do crédito, as prestações também são atualizadas conforme a regra contratual adotada. Vale destacar que as atualizações podem fazer o crédito e as prestações variarem tanto para mais quanto para menos! É importante entender ainda que mesmo após a contemplação as parcelas continuam sendo corrigidas, pois o grupo precisa de recursos para garantir a atualização do crédito dos demais integrantes ainda não contemplados. Essa é a essência do consórcio: união de pessoas com o mesmo objetivo visando proporcionar a realização de cada um de seus integrantes!

Exemplificando uma atualização

Confira um exemplo da atualização do valor do crédito de um grupo de imóveis cujo critério contratual seja o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC):

  • Data de abertura do grupo: 08 de março de 2015
  • Crédito contratado: R$ 100.000
  • Valor da prestação: R$ 983,33

A atualização do crédito e da prestação será realizada todo mês de março, aplicando-se o acumulado do índice nos últimos 12 meses:

  • INCC acumulado (de março/2015 a fevereiro/2016): 7,17%
  • Valor do crédito atualizado: R$ 107.170
  • Valor da prestação atualizada: R$ 1.053,83

Assim, a partir de março de 2016, o consorciado desse grupo pagará uma parcela de R$ 1.053,83 e, se contemplado, receberá um crédito atualizado de R$ 107.170.

Para entender como são calculadas as prestações no consórcio, clique aqui.

 Da contemplação à utilização do crédito

Quando o consorciado é contemplado, ele tem até o encerramento do grupo para utilizar o crédito. Até que isso ocorra, esse valor estará aplicado no mercado financeiro e terá rendimentos líquidos a favor do consorciado. A rentabilidade tem início até o terceiro dia útil após a contemplação e término no último dia útil anterior ao da utilização do crédito. Dentre os tipos de aplicação possíveis estabelecidas pelo Banco Central (BC), os próprios consorciados escolhem, na primeira assembleia geral ordinária do grupo, aquela que será utilizada no grupo.

É importante não confundir atualização do valor do crédito com rendimentos financeiros. A atualização é feita somente até a data de contemplação, independentemente da data em que o crédito for utilizado pelo consorciado, enquanto o rendimento financeiro é acrescido a partir da contemplação. Dessa forma, se você resolver utilizar o crédito um ano após ser contemplado, terá direito ao crédito considerado no dia da assembleia de contemplação mais o seu rendimento financeiro durante esse ano.

Dica da ABAC

Agora que você já sabe como funciona a correção do crédito no consórcio, antes de fechar um contrato, leia atentamente todas as cláusulas e confira, dentre outros itens, o critério aplicável para a sua atualização. Conhecendo as regras, será muito mais fácil realizar os seus sonhos com o consórcio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


17 comentários sobre “Veja como o valor do seu crédito é corrigido no consórcio”

  1. douglas murilo dos reis 28/03/2016 | às 16:26

    Fui contemplado por sorteio. A minha dúvida é se vale a pena vender a carta ou manter o valor aplicado no mercado financeiro.

  2. Ótima informação

  3. brendo pereira 29/06/2016 | às 09:48

    A atualização pode ser feita mesmo com o carro sendo semi novo ?

    1. Olá, Brendo. Se o contrato estiver referenciado em um determinado veículo, esse será sempre zero quilômetro. Ao ser contemplado, e se constar do contrato, o consorciado poderá optar por comprar um veículo seminovo, no entanto, as parcelas continuarão sendo corrigidas pelo zero quilômetro. Abraços!

  4. Sempre preservando o poder de compra

  5. Olá , eu gostaria de tirar um dúvida , fiz um consórcio de 35 meses e estou da parcela 29 , já fui contemplada e comprei um carro do ano de 2003 , até no mês de setembro estava pegando o valor da parcela de 772,32 e esse mês veio no valor de 886.45 teve um aumento de quase 90 reais , gostaria de saber se isso está correto , o valor do meu bem atualizado é de 31.44,74 … é correto esse aumento no valor de 11,49% igpm?

    1. Olá, Francielen.

      O valor da parcela em consórcio é calculado com base no preço do bem novo ou importância em dinheiro que será atualizado, periodicamente, por algum índice. Este parece ser o seu caso. Verifique no seu contrato o índice estabelecido para atualizar o valor da parcela e qual o período para sua aplicação. Qualquer dúvida, entre em contato com o setor de atendimento ao consorciado de sua administradora.

      Abraços

  6. Como são feitas as correcoes das parcelas após ser contemplado? Como é feita a amortização da dívida?

    1. Olá, Artur.

      A correção das parcelas após a contemplação segue a mesma regra de antes da contemplação. Isso é importante para que todos os participantes do seu grupo que ainda não foram contemplados tenham recursos suficientes para a aquisição do bem ou serviço desejado.

      Os valores pagos nas prestações a título de fundo comum, taxa de administração, fundo de reserva e seguros (esses dois últimos, se contratados) são convertidos em percentual do preço do bem ou serviço contratado na data da Assembleia Geral Ordinária (AGO), ocorrendo a amortização do seu saldo devedor.

      Para qualquer outro esclarecimento, estamos à disposição!

      Abraços

  7. Sirion carlos bezerra 22/10/2016 | às 18:57

    Quando for contemplado vou pegar o valor integral da carta ou o valor é baseado no numeros de parcelas pagas?

    1. Olá, Sirion.

      Quando contemplado, você receberá o valor integral contratado, atualizado na data da Assembleia Geral Ordinária (AGO). A AGO é a ocasião em que ocorrem as contemplações por sorteio e lance.

      Abraços

  8. Fui sorteado em meu consórcio imob da Embracom dia 30/08/2016. Ocorre que a atualização do crédito foi dia 01/09/2016. Sendo assim minhas parcelas devidias foram corrigidas, mas o consórcio alegou que meu crédito não iria receber a mesma correção, e aí perdi por causa disso 10 mil reais em poder de compra isso é correto por parte da administradora???? pq não fizeram a correção anual antes do sorteio??? exemplificando todas as cotas apartir de 01/09 atualizaram para um valor de r$162.000,00 e a minha por ter sido sorteada ficou com o valor de r$152.000,00. Agradeço o retorno

    1. Olá, Iesser.

      Para que possamos ajudá-lo, precisamos de mais informações. Por favor, enviei para o e-mail falecom@abac.org.br número do grupo e da cota e um telefone de contato. Com essas informações, nossa equipe entrará em contato com a administradora para apurar o seu caso, OK?

      Abraço

  9. Meu irmão foi contemplado mas pagou 24 parcelas das 56 sem utilizar a carta, depois comprou um carro para mim e eu paguei a ele o valor correspondente as 24 parcelas que ele tinha pago e passei a pagar as parcelas seguintes. A carta era de 41.000,00 mas quando compramos o carro recebemos 43.800,00. Essa diferença foi a atualização do período que ele foi contemplado até a utilização da carta? Eu tenho que devolver esse diferença a ele?

    1. Olá, Vania.

      Sim, essa diferença é a rentabilidade referente ao período entre a contemplação e a aquisição do bem. A devolução é um acerto entre o vendedor da cota e o comprador. Normalmente, a rentabilidade da carta de crédito não é objeto de negociação quando da transferência da cota.

      Abraços

  10. manoel messias soares carvalho 09/02/2017 | às 10:40

    BOM DIA

    1. Bom dia para você também, Manoel! 😉