Vendas do consórcio de eletros crescem 230% em julho

24 . set . 2021

O consórcio de eletros é um dos segmentos que possui maior versatilidade no Sistema de Consórcios, conforme já te mostramos neste post. A sua ampla possibilidade de utilização, para aquisição de qualquer conjunto de bens móveis novos, exceto veículos, fez com que, em julho, os indicadores de cotas vendidas crescessem acima de 230%.

No sétimo mês de 2021, foram vendidas 13,66 mil cotas do consórcio de eletros. Até então, trata-se do maior volume de vendas mensal. Esse total de vendas, comparando com as 4,13 mil cotas contabilizadas em janeiro de 2021, representa elevação de 230,8%. Em outra base de comparação, com julho de 2020, o avanço é de 211,9%, já que na ocasião foram vendidas 4,38 mil cotas. 

No acumulado entre janeiro e julho de 2021, foram vendidas 59,68 mil cotas do consórcio de eletros. Esse volume de vendas fez com que o segmento deixasse a lanterna do ranking de vendas do Sistema de Consórcios, já que superou as 50,13 mil cotas vendidas pelo consórcio de serviços. A diferença é que enquanto o consórcio de eletros cresceu 56,3% ante as 38,18 mil cotas de janeiro a julho de 2020, o consórcio de serviços teve queda de 16,1%, já que no ano passado foram vendidas 59,72 mil cotas do segmento.

Créditos comercializados do consórcio de eletros quase dobram

Com tíquete médio de R$ 7,98 mil em julho, 20,9% maior que os R$ 6,6 mil de um ano antes, o faturamento do segmento quase dobrou no acumulado do ano. Até julho, a soma dos valores dos novos contratos de consórcio firmados chegou a R$ 522,03 milhões. Com esse resultado, o indicador cresceu 94,8% em relação aos R$ 267,95 milhões acumulados de janeiro a julho de 2020.

Leia o post:

Quanto às contemplações, o total de consorciados que tiveram a oportunidade de comprar bens, encerraram julho com alta de 12,1% no acumulado do ano. Foram 18,75 mil contemplados, ante 16,73 mil de igual período de 2020. O total de créditos disponibilizados para aquisição de bens chegou a R$ 165,9 milhões, aumentando em 31,5% os R$ 125,9 milhões disponibilizados de janeiro a julho de 2020. Saiba mais sobre o uso dos créditos no consórcio de eletros, em nosso e-book sobre o assunto.

Por fim, o indicador de participantes ativos fechou julho com crescimento de 28%.O número de consorciados em grupos do segmento de eletros chegou a 131,71 mil. No mesmo mês de 2020, eram 102,9 mil. São pessoas que estão planejando a realização de seus sonhos através do consórcio. Aqui no Blog da ABAC, já contamos até a história de uma consorciada que decidiu empreender e usou o consórcio para comprar um carrinho de pipoca.

Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , , , , , , , , ,

Deixe seu comentário

Receba novidades



    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS