Consórcio é poupança?

01 . jun . 2022

Depois de trazermos esclarecimentos de que o consórcio é um investimento econômico (e não investimento financeiro), queremos trazemos para pauta uma nova questão. Podemos dizer que o consórcio é poupança? A ABAC explica!

Chamamos de “poupança” a diferença entre receitas e despesas. Utilizamos essa “sobra” financeira para realizar sonhos, garantir uma aposentadoria, nos precavermos diante de situações inesperadas, entre outras finalidades.

Ou seja, ao poupar, você junta dinheiro no presente para ser usado no futuro.

Nesse sentido, o consórcio nos ajuda a poupar, visto que o consorciado reserva uma parte dos seus recursos hoje, para compra de um bem ou serviço no futuro, quando ocorrer a contemplação por sorteio ou lance. Ou seja, consórcio é uma forma de poupar para realizar sonhos.

Inclusive, quem é leitor antigo do Blog da ABAC, certamente já leu que consórcio é “a arte de poupar em grupo”. Isso porque a modalidade de autofinanciamento se baseia na união de pessoas (físicas ou jurídicas), em que todos os participantes de um grupo contribuem mensalmente para a formação de uma espécie de grande poupança, o fundo comum.

Poupança x caderneta de poupança

Porém, é fundamental não confundir poupança (poupar dinheiro) com caderneta de poupança, ou conta de poupança, que é um tipo de investimento (aplicação financeira). E investimento, como já explicamos aqui no Blog, é a aplicação dos recursos que poupamos, com a expectativa de obtermos uma remuneração por essa aplicação.

Consórcio para realizar sonhos

Assim sendo, consórcio é uma forma de poupar e realizar sonhos, embora não seja uma caderneta de poupança. O consórcio é um incentivo e tanto para quem sabe da importância de se planejar e usar o tempo a seu favor. Quem adere à modalidade tem a oportunidade de ser contemplado e poder realizar seu objetivo, sem precisar juntar todo o valor necessário.

O consórcio também ajuda aos menos disciplinados que, ao se comprometerem com as parcelas, evitam ficar com o dinheiro na mão correndo o risco de fazer gastos desnecessários. Assim, podem focar no que realmente importa: seus sonhos.

Saiba mais sobre consórcio em:


Categoria(s):

Consórcio de A a Z

Tag(s):

, , , , ,

2 Comentários

  • Bom dia o problema é a taxa de manutenção exorbitante que algumas administradoras cobra.

    • Olá, Jorge!

      A taxa de administração é cobrada pela Administradora de Consórcios para formar, organizar e administrar os grupos por ela constituídos. Essa taxa é fixada livremente no contrato pela Administradora e varia de acordo com a localidade, o valor do crédito e o prazo de duração do grupo. Sugerimos a leitura da postagem “O que é taxa de administração?” publicada no próprio site da ABAC – http://blog.abac.org.br/consorcio-de-a-a-z/sistema-de-consorcios-o-que-e-taxa-de-administracao.

      Um abraço!

Deixe seu comentário

Receba novidades



    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS