fbpx

Sistema de Consórcios em julho/2020: dados econômicos

01 . set . 2020

Mesmo com a pandemia da Covid-19, o Sistema de Consórcios vem atingindo marcas importantes nos diversos setores em que está presente. A aceleração nas adesões ainda não alcançou a velocidade desejada para ultrapassar o volume do ano passado. Contudo, vários indicadores já mostram boas performances.

Entre eles está o total de créditos comercializados de janeiro a julho. Esse indicador somou R$ R$ 74,57 bilhões, alta de 2,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Graças ao tíquete médio geral, que subiu 15,4%, ficando em R$ 53,17 mil em julho.

Confira abaixo os principais indicadores do Sistema de Consórcios de janeiro a julho deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Assessoria Econômica da ABAC.

Consórcio de veículos leves

Apesar do acumulado de contemplações (315,47 mil) ter registrado retração de 5,1% de janeiro a julho, os correspondentes créditos concedidos (R$ 13,71 bilhões) tiveram alta de 1,3%. As vendas em julho cresceram 2,2% em relação a junho, mas, mesmo com a recuperação desde maio, a somatória de janeiro a julho caiu 8,6% em relação a 2019, por conta da pandemia.

Consórcio de motocicletas

A alta de quase 50% do tíquete médio (que ficou em R$ 14,41 mil), provocou aproximados 30% de aumento nos créditos comercializados. Os créditos concedidos também avançaram 20,9%, somando R$ 3,65 bilhões.

Consórcio de veículos pesados

Todos os indicadores registraram alta, com exceção das adesões, que ficaram estáveis. A maior alta foi de 26,6%, no tíquete médio mensal (R$ 197 mil), o que proporcionou avanço de 7,2% no total de créditos comercializados de janeiro a julho.

Consórcio de imóveis

Esse segmento também registrou aumento no tíquete médio mensal, com consequente avanço dos créditos comercializados. Já as contemplações resultaram no expressivo crescimento de 76,1% no total de créditos concedidos. Somente o volume de participantes ativos esteve em baixa, em razão do encerramento de grupos.

Consórcio de serviços

Os acumulados das vendas de novas cotas, créditos comercializados, tíquete médio, contemplações e participantes ativos ultrapassaram 50% de aumento. O principal destaque do setor foram os créditos concedidos, que encerrou o período com 144,8% de avanço. Esses indicadores apontam boas projeções até o final do ano.

Consórcio de eletroeletrônicos

O crescimento gradativo nas vendas de novas cotas a partir de maio sinalizou a retomada dos negócios, com alta de 67,4% nos créditos comercializados no ano. Também houve expressivo avanço em consorciados ativos, contemplações e tíquete médio, de janeiro até julho, apesar do momento. O principal destaque foi o aumento de 240,8% nos créditos concedidos.


Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , , ,

Deixe seu comentário

*

Receba novidades



ENVIE SUGESTÕES
DE POSTAGENS