Amigos e parentes influenciam ao comprar consórcio

29 . jun . 2021

Com quase 65 anos de história, o consórcio já realizou o sonho de muitos brasileiros. Pesquisa realizada pela ABAC, por meio da Kantar Divisão de Pesquisa de Mercado, Insights e Consultoria da WPP, identificou que a principal fonte de conhecimento ao comprar consórcio continuou sendo parentes e amigos. 

Segundo a pesquisa, em 2021, 35% das pessoas conheceram mais o consórcio por meio de indicação. Em 2020, os consorciados que se informaram com pessoas próximas eram 28%, segundo pesquisa realizada naquele ano. A influência de pessoas próximas não é novidade no Blog da ABAC – confira esse post de 2018:

Voltando a 2021, em segundo lugar na busca de conhecimento ao comprar consórcio ficaram as concessionárias, lojas e bancos, com 32%, um ponto percentual menor que no ano passado, com 33%. Na sequência, ficou a influência das propagandas na televisão, com 14%, contra 21% de 2020. Os demais 17% resultaram de propagandas na internet e comentários em sites ou redes sociais.

Os consorciados relataram ainda que recomendariam o consórcio a seus amigos e parentes, na média de 7,27 pontos, numa escala máxima de 10. 

Mais sobre a pesquisa da ABAC

A pesquisa da ABAC contemplou dois estudos, um qualitativo e outro quantitativo. Este último, teve seus resultados comparados com pesquisa realizada em 2020, antes da pandemia da Covid-19, o que possibilitou analisar o comportamento e a opinião do público durante o novo cenário.

Para esse estudo, a Kantar entrevistou mais de 1 mil pessoas, sendo homens e mulheres, de 18 a 45 anos, e das classes sociais A, B e C. Desse total, 38% aderiram à modalidade durante a pandemia, e 62% não eram consorciados. Além disso, 43% eram da região Sudeste, 27% do Nordeste, 15% do Sul, 8% do Centro-Oeste e 7% do Norte.

Leia também:

Categoria(s):

Pesquisas da ABAC

Tag(s):

, , , , ,

2 Comentários

Deixe seu comentário

Receba novidades



    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS