Créditos disponibilizados pelo consórcio de motos crescem 25,4%

08 . set . 2022

O consórcio de motos disponibilizou R$ 6,27 bilhões em créditos para compra de veículos, entre janeiro e julho de 2022. Este resultado supera em 25,4% o montante acumulado no mesmo período de 2021, quando ficou em R$ 5 bilhões. Com isso, o segmento se mantém na liderança deste que é um dos indicadores mais importantes do Sistema de Consórcios: as contemplações.

Ao ser contemplado, o consorciado pode utilizar o crédito contratado para conquistar seu objetivo. Por isso é tão significativa a mudança ocorrida em 2021, quando o consórcio de motos contemplou quase 600 mil pessoas. Desta forma, superou o consórcio de veículos leves, que contemplou 585,2 mil pessoas. O resultado em contemplações foi o melhor desde 2017 – entre 2018 e 2020, quem mais contemplou foi o segmento de veículos leves.

Considerando apenas os números de sete meses, é provável que o resultado se repita em 2022. No acumulado de janeiro a julho, o número de contemplados chegou a 387,42 mil. No mesmo período, o consórcio de veículos leves contabilizou 350,72 mil contemplações. Ambos os segmentos estão em alta este ano, porém enquanto as contemplações do consórcio de motos avançaram 11,8%, a de veículos leves subiram 4,2%. Ou seja, a diferença observada em 2021 tende a aumentar.

Recentemente, mostramos que o consórcio é um dos principais meios utilizados para a compra de motocicletas no Brasil. Segundo estimativa da assessoria econômica da ABAC, nos últimos doze anos o potencial é de que o mecanismo tenha respondido por quase um terço das vendas.

Saiba mais no post abaixo:

Vendas do consórcio de motos avançam

Todos os principais indicadores do consórcio de motos seguem em alta no decorrer de 2022. As adesões, que se referem ao número de novos contratos de consórcios firmados entre janeiro e julho deste ano, cresceram 7,7%. Foram de 643,7 mil cotas vendidas, no ano passado, para 692,95 mil, este ano.

Com um tíquete médio que fechou, em julho, no valor de R$ 16,91 mil – alta de 15,3%, o volume de créditos comercializados também aumentou. O total chegou a R$ 11,22 bilhões, aumentando em 20,8% os R$ 9,29 bilhões contabilizados de janeiro a julho de 2021.

Já o total de participantes ativos, fechou o mês de julho em 2,46 milhões. É um contingente que supera em 7,4% os 2,29 milhões de um ano antes. Além disso, foi o melhor resultado para o indicador neste segmento, que é mensal, desde dezembro de 2016, quando também ficou em 2,46 milhões.

Para conhecer outros dados econômicos do setor de consórcios, leia os posts da seção Drops de Mercado. Conheça também o Boletim do Sistema de Consórcios.

Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , , , , ,

2 Comentários

Deixe seu comentário

Receba novidades



    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS