Publicado em 30/08/2016 as 15:20H
Drops de Mercado

Consórcios injetam R$ 20 bilhões no mercado

O Produto Interno Bruto (PIB) do país caminha para fechar mais um ano em queda de 3,16%, de acordo com projeção do Boletim Focus do Banco Central do Brasil (BCB) divulgada em 26 de agosto. Entretanto, um segmento vem ajudando a gerar negócios e a movimentar a economia, tendo disponibilizado mais de R$ 20 bilhões em créditos para a compra de bens e serviços, apenas no 1º semestre de 2016: o Sistema de Consórcios.

Todos os meses, o Sistema de Consórcios contempla seus participantes, seja através do sorteio ou do lance. Com a carta de crédito em mãos, o consorciado leva dinheiro para o mercado e pode negociar as melhores condições para adquirir bens ou serviços. Em momentos de dificuldade econômica, os consórcios ajudam a equilibrar os negócios de diversos elos da cadeia produtiva e manter empregos.

O setor da construção civil, por exemplo, está entre os que mais empregam no país e também entre os mais atingidos pela crise. Uma das explicações está na redução do volume de crédito para a construção e aquisição de imóveis. Dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), revelam que no 1º semestre de 2016, os financiamentos imobiliários concedidos com recursos da poupança tiveram queda de 49,5% em comparação ao mesmo período de 2015. Porém, no caso do Sistema de Consórcios, o que se verificou entre janeiro e junho foi um aumento de 2,5% no volume de créditos disponibilizados para este segmento, que acumulou R$ 3,6 bilhões.

Outro setor fundamental para a geração de empregos no país que também está sendo afetado pela crise é o automobilístico. Entretanto, o volume de créditos disponibilizados pelo Sistema de Consórcios para aquisição de veículos leves cresceu 2,7%, chegando a R$ 10,7 bilhões.

Segurança e solidez dos consórcios

Os ativos administrados e o patrimônio líquido do Sistema de Consórcios permanecem em trajetória ascendente, demonstrando sua solidez e segurança. Dados do BCB de dezembro de 2015 mostram que os ativos administrados  cresceram 9,4% em relação a dezembro de 2014, chegando a R$ 174 bilhões. Já o patrimônio líquido ajustado atingiu R$ 7,93 bilhões, crescimento de 21,6%.

Assim, a participação do Sistema de Consórcios no PIB brasileiro segue em expansão, passando de 2,7%, em 2013, para 2,9% no final de 2015. Os negócios realizados contribuem ainda com a geração de empregos – são mais de 100 mil diretos e indiretos, de com a assessoria econômica da ABAC.

14159289_1377408855643149_346934701_n (1)

Além de aquecer a economia do país disponibilizando milhões de reais em créditos todos os meses para a compra dos mais variados bens e serviços, o Sistema de Consórcios ainda tem relevante participação no orçamento público por meio do pagamento de impostos. Só em 2015, o setor registrou crescimento de 19,8% nas contribuições em relação a 2014, chegando a R$ 2,15 bilhões pagos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

6 comentários sobre “Consórcios injetam R$ 20 bilhões no mercado”

  1. geraldo garceis disse:

    Bom dia
    gosto muito de consorcio, nunca comprei um carro financiado,sempre no consorcio
    estou trabalhando minha equipe ,mostrando a importância do sistema pra o crescimento de nossas vendas,trabalho num distribuidor ford caminhões em goiania.
    Parabéns pela matéria,vou repassar pra meus vendedores.
    Obrigado

  2. jenival alfredo disse:

    JA COMPREI UMA MOTO NO CONSORCIO E ACHO MESMO INTERESSANTE PARCELAS BOAS E PREÇO FINAL BOM. PARABENS PARA QUEM FEZ ESSE TEXTO SOBRE CONSORCIO BEM EXPLICADO.

  3. Leonir Cerqueira disse:

    Olá, bom dia!

    Sou assinante newsletter do Blog da Abac, e lhes parabenizo ​pelo excelente trabalho. Gostaria de sugerir o assunto a seguir: Utilizar carta de credito do Consorcio de Imoveis para quitar financiamento imobiliário, ou seja trocar uma divida mais cara por uma mais barata.

    ​​Grande abraço!​


    Atenciosamente,

    Leonir Cerqueira

    1. ABAC disse:

      Muito obrigada pela sugestão, Leonir! Vamos abordar esse assunto em breve.

      Abraço!

  4. Jose do Consórcio disse:

    Ótima matéria. Sou vendedor de consórcio à 3 anos e vejo um mercado apesar de existir há muitos anos ainda encontra se em grande crescimento.

  5. Carlos Alberto disse:

    Trabalho 25 com consórcio sempre tirei carro pelo consórcio realmente a melhor poupança