fbpx

Sistema de Consórcios em novembro/2019: dados econômicos

20 . dez . 2019

No decorrer de 2019, diversas situações políticas influenciaram as oscilações econômicas do País. Ainda assim, o Sistema de Consórcios acumulou, até o mês de novembro, crescimento em seus negócios. O volume de créditos contratados através do mecanismo cresceu 26,1%. Atingiu R$ 121,5 bilhões, ante R$ 96,32 bilhões no mesmo período de 2018.

No acumulado dos 11 meses de 2019, a entrada de novos participantes somou 2,63 milhões. Esse total de adesões supera em 11,4% o atingido no ano passado. Os grandes responsáveis por esses números são os segmentos de veículos leves e motocicletas, com a venda de mais de 2 milhões de novas cotas. Novamente, o resultado representou recorde histórico para o Sistema de Consórcios.

Veja abaixo o desempenho, por segmento, de janeiro a novembro, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Consórcio de Veículos Leves

Entre janeiro e novembro, o consórcio de veículos leves contabilizou a venda de 1,16 milhão de cotas. O resultado representou incremento de 10,5% nas adesões ao segmento, em comparação com o mesmo período de 2018. Como resultado dessas vendas, o volume de créditos comercializados teve resultado ainda melhor. Alta de 18,6%, atingindo R$ 52,59 bilhões. Até novembro, foram contemplados 522,58 mil consorciados, que receberam recursos de R$ 21,29 bilhões. No caso desses dois indicadores, houve estabilidade em relação aos resultados do ano passado. Em novembro, o total de participantes ativos ficou em 3,69 milhões (+1,9%) e o tíquete médio fechou em R$ 44,1 mil (+2,5%).

Consórcio de Motocicletas

Os créditos contratados via consórcio para o segmento de motocicletas chegaram a R$ 10,33 bilhões entre janeiro e novembro de 2019. Trata-se de uma elevação de 32,6% sobre o montante alcançado no mesmo período do ano passado. Esse valor decorre das 977,77 mil cotas vendidas, elevação de 5,8%. Nos 11 meses de 2019, foram disponibilizados R$ 4,82 bilhões em créditos (+12,9%), decorrentes das 449,81 mil contemplações ocorridas no período. Em novembro, o total de participantes ativos permaneceu estável em 2,17 milhões, enquanto o tíquete médio teve 50% de valorização e fechou em R$ 12,9 mil.

Consórcio de Veículos Pesados

O tíquete médio das cotas comercializadas em novembro ficou em R$ 164,5 mil – valorização de 5,5%, ante novembro de 2018. Nessa comparação, o total de participantes ativos teve crescimento de 9,8%, fechando em 334,98 mil. No acumulado entre janeiro e novembro, foram contabilizadas 83,08 mil adesões (+28,1%), que geraram R$ 13,24 bilhões em créditos contratados (+33,6%). Já as contemplações, cresceram 15,1%, alcançando 35,46 mil contemplados. Eles receberam R$ 5,03 bilhões em recursos, aumento de 9,6% em relação ao alcançado nos 11 meses do ano passado.

Consórcio de Imóveis

No acumulado do ano até novembro, o consórcio disponibilizou R$ 7,1 bilhões em créditos para compra de imóveis. O montante supera em 7,3% o alcançado no mesmo período de 2018. Os recursos disponibilizados resultam de 70,84 mil contemplações – expansão de 6,7%. Entre janeiro e novembro, foram vendidas 296,45 mil cotas (+20,4%), que geraram contratados cujos valores chegam a R$ 44,44 bilhões (+31,5%). Em novembro, o consórcio de imóveis contabilizou 979,17 mil participantes ativos – alta de 11,5% em relação ao mesmo mês de 2018. Nessa comparação de um ano para o outro, o tíquete médio do segmento teve valorização de 8,8% e fechou em R$ 152,5 mil.

Consórcio de Serviços

No mês de novembro, o consórcio de serviços continuou expandindo a marca histórica de 100 mil participantes ativos, registrada em agosto. Foram 107,04 mil consorciados inscritos em grupos do segmento – alta de 46,6% ante o mesmo mês de 2018. Nessa comparação, o tíquete médio comercializado ficou em R$ 12,7 mil, com 67,1% de valorização. No acumulado do ano, foram 64,17 mil adesões (+43,6%) e R$ 588,82 milhões em créditos contratados (+76%). No período, o consórcio de serviços contemplou 27,99 mil pessoas (+59,7%), que receberam créditos de R$ 155,5 milhões (+27,1%).

Consórcio de Eletroeletrônicos

Os negócios contratados via consórcio de eletroeletrônicos e outros bens móveis duráveis mais que dobraram. Somaram R$ 325,71 milhões no acumulado até dezembro de 2019. Esse resultado levou o indicador a registrar crescimento de 142,3% em relação ao mesmo período de 2018. Ele decorre ainda do crescimento de 89,6% nas adesões – 49,87 mil cotas vendidas. Em novembro, o segmento registrou 65,39 mil participantes ativos e tíquete médio de R$ 6,5 mil – expansão de 59,5% e 25%, respectivamente. Entre janeiro e novembro, 14,88 mil consorciados foram contemplados (+54,4%) e disponibilizados R$ 72,51 milhões em créditos.

Sistema de Consórcios em Geral
(todos os segmentos)

Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , ,

2 Comentários

  • Com dados tão positivos, tenho orgulho de fazer parte deste crescimento, obrigado ABAC.
    Acredito que em 2020 será ainda melhor.

    • Nós que agradecemos sua confiança, Cristiano!

Deixe seu comentário

*

Receba novidades



ENVIE SUGESTÕES
DE POSTAGENS