6 em cada 10 não se preparam para aposentadoria

16 . abr . 2019

O aumento da expectativa de vida do brasileiro impõe desafios. Principalmente porque a maioria (59%) ainda não se planeja para garantir um futuro financeiro ao deixar de trabalhar. Foi o que revelou nova pesquisa sobre aposentadoria realizada pela CNDL e pelo SPC Brasil, em parceria com o Banco Central.

O estudo identificou que entre os que não se planejam para a aposentadoria, 36% alegam não sobrar dinheiro no orçamento. Já 18% atribuem ao fato de estarem desempregados. E, para 17%, não vale a pena guardar o pouco dinheiro que sobra no fim do mês.

A pesquisa também identificou os meios mais comuns de se preparar para a aposentadoria. São eles as aplicações financeiras (42%), principalmente a previdência privada (20%). Foram citados ainda outros ativos financeiros, como ações, títulos ou fundos (20%). Para 35%, os recursos do INSS servirão de renda e 16% disseram que dependerão de terceiros, tais como cônjuges, filhos ou outras pessoas da família. Já 37% dos entrevistados disseram que pretendem continuar ativos no mercado de trabalho ao se aposentar.

“Estima-se que a participação da população acima de 65 anos na sociedade brasileira passe dos atuais 9% para 25% em 2060, segundo projeções do IBGE. Será cada vez mais importante começar a pensar em uma complementação ainda jovem e não apenas quando se aproxima do momento de parar de trabalhar”, avalia a Economista-Chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

Aposentadoria imobiliária

Uma das formas de se preparar para a aposentadoria é investindo em imóveis, que poderão gerar receita por meio de aluguéis. E uma modalidade acessível para adquirir esses bens, principalmente para quem pensa no futuro e não tem pressa, é o consórcio.

Apenas em 2018, 885 mil brasileiros decidiram se juntar a esse Sistema, 6,4% a mais que em 2017. Já 72,4 mil participantes foram contemplados e puderam utilizar o crédito contratado para adquirir o imóvel desejado. Para eles, foram disponibilizados R$ 7,22 bilhões.

“O consórcio permite ao consumidor adquirir imóveis a longo e médio prazos, com parcelas adequadas ao seu orçamento”, explica o presidente executivo da ABAC, Paulo Roberto Rossi.

Para saber mais sobre o consórcio de imóveis, leia também Consórcio de imóveis: 75% usam crédito para comprar residências.

E para encontrar empresas associadas à ABAC e pesquisar planos de consórcio de imóveis, clique aqui. Selecione o seu estado e encontre as que atuam mais próximo de você. E, em caso de dúvidas, entre em contato com a ABAC pelo e-mail falecom@abac.org.br.

Categoria(s):

Educação Financeira

Tag(s):

, , , ,

1 Comentário

  • Essa é a mais pura verdade. O brasileira tem a cultura de deixar tudo pra última hora, isso inclui sua segurança financeira na velhice. Precisamos mudar isso.

Deixe seu comentário

Receba novidades



    Mais vistos

    Nenhum dado até agora.

    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS