Sistema de Consórcios em outubro/2021: dados econômicos

26 . nov . 2021

O Sistema de Consórcios seguiu o ritmo de bons resultados de 2021 também no mês de outubro. Mantendo a média mensal de vendas, o setor contabilizou alta no tíquete médio e, consequentemente, viu os negócios realizados aumentarem nos dez meses do ano.

A exemplo de meses anteriores, dos seis indicadores, cinco registraram crescimento nos acumulados de comercializações. Somente um registrou retração, o de serviços, com queda 23,2%, mas que pouco interferiu no avanço geral de 15,7% nas adesões acumuladas de janeiro a outubro.

No quadro abaixo, você confere um resumo com os principais indicadores do Sistema de Consórcios, de janeiro a outubro de 2021. Os dados foram compilados pela assessoria econômica da ABAC e estão comparados com o mesmo período de 2020.

Resultados do Sistema de Consórcios por segmento:

Consórcio de Veículos Leves

O volume de créditos disponibilizados pelo Sistema de Consórcios no segmento de veículos leves aumentou mais de 21% de janeiro a outubro de 2021. Foi de R$ 19,78 bilhões, no mesmo período do ano passado, para R$ 23,97 bilhões este ano. Em outubro, as 108,20 mil cotas vendidas representaram retração de 17,2% ante as 130,61 mil de um ano antes. 

Os quase 480 mil contemplados no segmento de veículos leves, representaram potencial participação de 33,5% no mercado interno. Este, que segundo a FENABRAVE totalizou 1,43 milhão de unidades vendidas. Com isso, um veículo a cada três comercializados no país foi potencialmente adquirido pelo consórcio.

Consórcio de Motocicletas

O consórcio de motocicletas, o segundo maior em número de participantes ativos, registrou crescimento em todos os indicadores. Os destaques ficaram com as contemplações e créditos concedidos que atingiram 249% e 30,7% de alta, respectivamente.

As quase 500 mil contemplações, acumuladas de janeiro a outubro, corresponderam a potencial compra de 52,8% do mercado interno, que totalizou 938,43 mil unidades vendidas, segundo a FENABRAVE. O percentual equivale a pouco mais de uma moto a cada duas comercializadas no país.  

Consórcio de Veículos Pesados

Nos dez meses de 2021, todos os indicadores do segmento tiveram crescimento. Ao analisar o comportamento das cotas vendidas em outubro, com 15,18 mil, a alta foi de 32,2% em relação ao mesmo mês de 2020. Na comparação com janeiro e setembro deste ano, com 8,66 mil e 22,84 mil, nesta ordem, verificaram-se crescimento de 75,3% e retração de 33,5%.

Considerando apenas os caminhões, as 27,57 mil contemplações acumuladas de janeiro a outubro representaram potencial participação de 26,3% no mercado interno. Este, segundo a FENABRAVE, contabilizou 95,39 mil unidades vendidas no país. Com isso, o percentual do consórcio equivale a quase um caminhão a cada três comercializados.

Consórcio de Imóveis

No consórcio de imóveis, a alta de 39% nas adesões resultou em 45,4% de aumento nos negócios. As 38,31 mil cotas vendidas em outubro representaram uma retração em relação ao mesmo mês do ano passado, quando foram vendidas 40,37 mil cotas. Na comparação com janeiro e setembro deste ano, quando ocorreram 32,39 mil e 36,96 mil adesões, respectivamente, os resultados foram alta de 18,3% e 3,7%.

Com 70,29 mil contemplações acumuladas entre janeiro a outubro, a potencial participação do consórcio no financiamento imobiliário ficou em 8,7%. Nesse período, foram financiados 804,66 mil imóveis, incluindo os consórcios, segundo dados da ABECIP.

Consórcio de Serviços

Apesar das vendas de novas cotas ainda não terem reagido, o segmento registrou alguns resultados positivos em 2021. É o caso dos indicadores de participantes ativos, contemplações, créditos concedidos e o tíquete médio, que fecharam em alta.

Em outubro, foram vendidas 5,07 mil novas cotas. Em relação ao mesmo mês do ano passado, quando foram vendidas 5,64 mil cotas, houve retração de 10,1%. Na comparação com janeiro e setembro deste ano, com 8,02 mil e 5,93 mil, na ordem, verificaram-se retrações de 36,8% e de 14,5%.

Consórcio de Eletros

Depois do indicador de cotas vendidas, o consórcio de eletroeletrônicos superou o segmento de serviços também em volume de créditos comercializados. O resultado deste indicador mais que dobrou em relação ao obtido de janeiro a outubro de 2020.

Analisando o comportamento das adesões apenas em outubro, quando foram vendidas 12,55 mil cotas, o resultado superou em 131,5% as 5,42 mil do mesmo mês do ano passado. Comparando com os resultados de janeiro e setembro de 2021, com 4,13 mil e 15,49 mil, respectivamente, houve avanço de 203,9% e queda de 19%.

Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , , , , , , , ,

Deixe seu comentário

Receba novidades



    Mais vistos

    Nenhum dado até agora.

    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS