Sistema de Consórcios em outubro/2020: dados econômicos

15 . dez . 2020

Depois de vários recordes alcançados em meses anteriores, o mês de outubro não foi diferente. Com 2,48 milhões de adesões, o resultado de 2020 foi o melhor para o acumulado entre janeiro e outubro. Dessa forma, o setor de consórcios mostra seu histórico de recuperação e de importante presença nas atividades econômicas.

Foram cinco segmentos em alta: veículos leves, veículos pesados, imóveis, serviços e eletroeletrônicos. Apenas o consórcio de motocicletas teve queda nas vendas de novas cotas, mas cresceu em faturamento. 

Confira os principais indicadores gerais do Sistema de Consórcios em Outubro de 2020:

Confira o desempenho de cada segmento do Sistema de Consórcios, no acumulado entre janeiro e outubro. Os dados estão comparados com igual período do ano anterior e foram compilados pela assessoria econômica da ABAC.

Consórcio de Veículos Pesados:

O acumulado até outubro de 2020 mostrou avanço nas adesões e nos créditos comercializados. O tíquete médio, de R$ 46,98 mil, alcançou estabilidade. Em contrapartida, houve queda no total de contemplados e no número de participantes ativos.

Consórcio de Motocicletas:

Quatro dos seis indicadores do segmento fecharam em alta nos resultados de outubro. A maior, de 31,8%, foi alcançada com os R$ 12,13 bilhões em créditos comercializados. Isso decorreu da queda de 3,1% nas cotas vendidas e da alta de 9,7% no valor médio das cotas contratadas, que ficou em R$ 14,4 mil.

Consórcio de Veículos Pesados:

Depois das retrações registradas até maio, as vendas de novas cotas seguiram em tendência de alta até outubro. As 88,36 mil cotas vendidas ficaram 11,6% superior a igual período de 2019. No acumulado do ano, todos os indicadores do segmento fecharam em alta. Por estar relacionado a setores essenciais, que inclui bens de produção, transporte e agronegócio, há expectativas positivas até o fim do ano.

Consórcio de Imóveis:

A combinação entre o aumento do número de cotas vendidas e a valorização do tíquete médio provocaram forte alta nos negócios do consórcio de imóveis. O total de consorciados ativos manteve-se em alta, aproximando-se de 1 milhão. Destaque ainda para os R$ 11,11 bilhões em créditos disponibilizados.

Consórcio de Serviços:

O volume de créditos disponibilizados foi o grande destaque do consórcio de serviços. Porém, o que chama a atenção nos resultados de outubro é o total de créditos comercializados. Mantido esse ritmo até dezembro, o segmento deve superar pela primeira vez a marca de R$ 1 bilhão em créditos contratados ao longo de um ano.

Consórcio de Eletroeletrônicos:

O crescimento de 164,2%, em créditos disponibilizados, foi o melhor resultado do Sistema de Consórcios em outubro de 2020. Esse desempenho decorre do incremento de 90,2% no total de contemplados. Foi de 13,01 mil, entre janeiro e outubro de 2019, para 24,75 mil em igual período de 2020.

Categoria(s):

Drops de Mercado

Tag(s):

, , , ,

Deixe seu comentário

*

Receba novidades



    ENVIE SUGESTÕES
    DE POSTAGENS