Publicado em 21/08/2018 as 22:31H
Drops de Mercado

Consórcio de motocicletas consolida recuperação

O consórcio de motocicletas está consolidando sua recuperação em 2018. Só no 1º semestre deste ano, o Sistema de Consórcios contabilizou a chegada de 475,75 mil novos consorciados ao segmento.

Em relação às adesões registradas no 1º semestre de 2017, o consórcio de motocicletas cresceu 12,4%. Naquela ocasião, foram vendidas 423,1 mil cotas de consórcio. Trata-se do melhor resultado para um 1º semestre desde 2015.

Como consequência do bom desempenho das adesões, o volume de créditos comercializados também cresceu. De janeiro a junho de 2018, acumulou R$ 3,96 bilhões. Trata-se de um montante 10,6% superior aos R$ 3,58 bilhões alcançados no mesmo período de 2017.

As 85 mil cotas vendidas em junho representam o recorde do ano em adesões. No intervalo de janeiro a junho, o segmento cresceu por cinco meses consecutivos. Em relação ao volume de vendas do mês de janeiro, quando foram vendidas 70 mil cotas, a alta chegou a 21,4%. No ano, a média mensal de adesões tem ficado na faixa de 79,21 mil cotas.

Recuperação do consórcio de motocicletas reflete momento do setor

Os bons resultados do consórcio de motocicletas não estão isolados dentro do cenário nacional. Segundo a Abraciclo, os números atingidos no 1º semestre consolidam definitivamente a retomada do setor de duas rodas. Considerando os dados do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam), de janeiro a junho de 2018 foram vendidas 456.729 unidades no país. Em igual período do ano anterior, as vendas ficaram em 427.198 unidades. Ou seja, crescimento de 6,9%.

A recuperação também foi percebida na indústria. As fabricantes de motocicletas produziram 494.684 unidades no 1º semestre do ano. Crescimento de 17,7% em relação à produção de 423.750 unidades no mesmo período de 2017.

“Fatores como ampliação da oferta de crédito e estabilidade dos índices macroeconômicos, além de uma maior participação do consórcio têm sido fundamentais para a evolução dos negócios”, finaliza o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian.

Para conhecer o desempenho do Sistema de Consórcios no 1º semestre de 2018, clique aqui e leia o Drops de Mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*