Publicado em 9/05/2017 as 15:20H
Cases

“O consórcio vai continuar sendo meu aliado”

Fazer pesquisa de preço antes de adquirir um bem é um dos preceitos básicos da educação financeira. Foi justamente essa conduta que levou o autônomo Carlos Dutra Barbosa, de Alegre (ES), a optar pelo consórcio na hora de comprar um carro. “Antes de tomar minhas providências quanto ao financiamento do veículo, procurei diversas fontes e observei que seria mais viável optar pelo consórcio”.

Essa situação narrada por Carlos aconteceu em 2013, quando ele decidiu comprar um veículo para atender às necessidades de transporte e lazer de sua família. “Utilizei a internet para me informar e encontrar as administradoras de consórcio que atuavam no segmento de veículos. Em seguida, busquei aquela que me ofereceu as melhores condições para a contratação”, diz.

A contemplação aconteceu por sorteio, naquele mesmo ano. Em 2014, empolgado com as facilidades do consórcio, ele decidiu trocar o modelo e entrou em um novo grupo, sendo contemplado por lance em meados daquele ano. “Fui acompanhando os valores ofertados mensalmente pelos lances vencedores no meu grupo para ter alguma noção do quanto precisaria ofertar. Acabou que o meu lance, quando da contemplação, foi o mais alto”, conta Carlos.

Como principal vantagem do consórcio, Carlos Dutra Barbosa aponta a inexistência de juros. “Contribuímos com uma taxa administrativa. É uma situação bem favorável ao consorciado porque mesmo que o valor do bem almejado mude com o passar do tempo, nosso poder de compra continua garantido. No meu caso, o modelo pretendido era um seminovo e o valor do crédito e da parcela foram acompanhando suas variações de mercado”, afirma.

Depois da contemplação, em menos de um mês o valor do crédito estava na conta da pessoa que estava fazendo a transação e Carlos já dirigia seu novo possante. “Não houve nenhuma dificuldade em retirar o crédito. A administradora seguiu à risca tudo o que estava previsto em contrato e sempre encaminhou bem as minhas demandas, me atendendo sempre que tinha alguma dúvida. Indico o consórcio para meus amigos, mas sugiro que eles coloquem na ponta do lápis a conta final que será paga pelo bem. Vale comparar o total que será gasto com outros financiamentos e também com a desvalorização do carro. É importante conseguir fazer essa leitura para acompanhar e valorizar todo o processo”, garante.

Por fim, Carlos já está planejando fazer um novo consórcio para trocar novamente de veículo. Agora, o desejo é adquirir um modelo maior, que possa dar condições de trabalho e ainda atender as necessidades de lazer de sua família. “Vou querer um modelo que me ofereça uma prestação suave e que caiba no meu orçamento. Certamente o consórcio vai continuar sendo meu aliado”.

IMG-20170524-WA0001

Se você utilizou o consórcio para realizar algum sonho de consumo, conte sua experiência para a gente. Entre em contato com a ABAC através do e-mail marketing@abac.org.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*